segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Final alternativo.


-E aí,gostou do filme?
-Interessante.E você,o que achou?
-Achei meio sei lá.
-Como assim ''meio sei lá''?
-Sei lá,ué.
-Entendo.E esse ''sei lá'' é legal ou chato?
-Legal.
-É,legal mesmo.
-Acho que eu devo fazer o que ela fez.
-Qual delas?
-A ruiva.
-E o que ela fez?
-Aquilo lá,com o namorado.
(silêncio)
-O quê?
-É.Tipo assim, ó: não gosto mais de você.
-Não gosta?
-Não como deveria ser gostar pra gente continuar junto.
-Espera aí,deixa eu ver o que eu sinto.
-Tá.
-Não sinto nada.Que estranho,né?Você vai me abandonar e eu não sinto nada.
-E isso não me incomoda nem um pouco.Nem sinto muito por você não sentir nada.
-Eu sinto só...esse frio do caramba.E eu,eu me sinto.Entende?
-Entendo.
-Então,a gente termina assim?
-Aham.
-Então tá.Quer que eu te acompanhe em casa mesmo assim?
-Na verdade,não,porque você pode atrapalhar a minha possibilidade de conhecer um cara legal no metrô.
-É e você pode fazer o mesmo comigo.
-Posso.
-Hum...bem,foi bom namorar dois anos com você.
-É,foi mesmo,de verdade.
-Isso não é algum tipo de brincadeira,é?
-Não,por quê?
-Porque se fosse ia ser bem incomum.
-Sei.Talvez fosse mesmo.
-Você não vai chorar?
-Não,por quê?
-Porque eu não vou chorar,então me sentiria culpado se você chorasse.
-Mas sou eu que estou terminando.
-É, você não deveria chorar.
(silêncio)
-Então...tchau.
-Tchau.
-A gente se vê?
-É,acho que sim.

Ele sorriu para ela e os dois se seguiram para lados opostos da avenida de calçada úmida e cheia de poças de água.

5 comentários:

Kaah~* disse...

carai!
huahuahua
nossa como é simple terminar um relacionamento eim!?
hahahaha
ceús!
huahuahu
BJU's pessoinha que conversa com o seu travesseiro! hahaha ;]

Rafa O'Konors disse...

hahaha
que facilidade.
amei, me diverti lendo isso.
isso é BEM minha cara! auahhahuauah


cada vez melhor isso...
demais!
saudades das duas!
beijoos amores

Leka disse...

acho que bem que a gente queria, mas nunca é facil desse jeito...

laí disse...

olha, eu realmente adoraraia que fosse facil assim.

Ana Paula disse...

acreditem,eu também gostaria!
mas a maioria dos casos não é assim,então a gente inventa mais ou menos,nunca se sabe,pode ter pessoas no mundo assim...